Beleza

Não faça da revista seu espelho!

Oi, pessoal!
O post de hoje traz um assunto que foi muito comentado no mês de novembro, mas acabei não fazendo nenhum comentário sobre, que foi o da tal modelo plus size que de plus size não tem nada [sejamos sinceros, plus size são pessoas que passaram do manequim 44].
Mas eu não quero polemizar falando sobre o corpo da modelo [já fizeram muito isso nas redes sociais], mas sim dizer que o editorial plus size feito pela revista Cosmopolitan serve para nos mostrar como a ideia sobre beleza está deturpada [ Não se engane!].
No final do mesmo mês surgiram fotos de uma outra modelo “plus size” que, segundo o jornal Extra, veste manequim 38/40 [Eu não visto isso e não me acho gorda, só um pouco acima do peso].
Mas afinal, o que quero com esse post? Quero apenas lembrar você que está lendo que Não faça das revistas seu espelho. 
 
Pois, a mulher “padrão” que mostram em revistas, de todos os gêneros, são mulheres que além de super magras, estão super maquiadas e super “photoshopadas”.
Não vou dizer que ser mais magro ou mais gordinho é o melhor. [ Cada um deve ser do jeito que se acha bem, e não do jeito que alguém falou]. Mas devemos perceber que o assunto estética é muito importante [e não apenas futilidade como muitos pensam],  basta ver reportagens desse ano que mostraram várias pessoas que faleceram por estarem muito abaixo do peso, que realizaram procedimentos estéticos duvidosos que deformaram seu corpo ou  mesmo que  levaram a óbito.É lógico que o que atrai de primeiro segundo momento é a aparência, mas ela não é o mais importante. E lembre-se, o que é bonito para mim, pode não ser para você. Então, chega de dar tanta importância a padrões. Seja como você quiser ser!

Reprodução . Imagem  Google
Post Anterior Próximo Post

O que você pode gostar também

4 Comentários

  • Responder Lidia Eliane 4 de dezembro de 2013 at 13:01

    Parabéns, gostei muito do artigo, pois, as vezes, deixamos de viver momentos felizes preocupados com o “que os outros vão pensar”. Mas os outros só nos aporrinham até o momento que percebem que esta atitude já não nos atingem. Só temos uma vida,para gasta-la preocupados com a opinião “dos outros”.

    http://sobregordas.blogspot.com.br/

    • Responder Pris Moraes 4 de dezembro de 2013 at 13:53

      Olá, Lidia. Bom saber que gostou!
      Adorei seu comentário e concordo “em gênero, número e grau”!

      Bjs!

  • Responder Paula Melo 5 de dezembro de 2013 at 01:53

    Amei o post! Assunto muito importante. A mídia dita algo, todos abaixam as cabeças e aceitam. Não pode ser assim, temos que gostar de nós mesmos como somos. Nada de tentar seguir esse “padrão” que é algo inatingível. Até as pessoas famosas vivem se matando para atingí-lo. Tem outros que achamos que atingiram, mas só na frente das câmeras, nas fotografias e não pessoalmente. Isso não existe. Tolice tentar seguir algo que alguém impôs, sei lá porque.
    bjooos
    http://www.violetasroxas.com

    • Responder Pris Moraes 5 de dezembro de 2013 at 21:12

      Eba! Que bom que amou!
      Concordo com você, temos que gostar de como somos e não seguir algo que a mídia impõe.

      Bjs!

    Deixe uma resposta